Follow by Email/Siga-me por mail

Recent Post

domingo, 10 de fevereiro de 2019

Andavam umas claras no frigorifico à espera de serem aproveitadas!

Pensei em fazer um bolo de claras ... 
Pensei em fazer farófias .... mas não havia tempo para isso.

Tinha feito este rolo de carne acompanhado por batata doce roxa assada e castanhas, com um molho de morangos (e que delicia que ficou).

Era preciso fazer uma sobremesa rápida  .... e boa .... e assim foi!

Inspiração que resultou .... vejam só!


Ninguém diria que foi feita num ápice!


Ingredientes:
6 claras de ovo
4 c sopa açúcar
150g açúcar
1 dl água
amêndoa palitada torrada (eu torrei a minha na frigideira)
flor de sal marinho

Preparação:
Prepare um caramelo. 
Leve as 150g açúcar a lume brando, mexendo de vez em quando, até formar um caramelo. Vá adicionando a água e deixe ferver mais um pouco até formar uma calda lisa.

Entretanto, bata as claras em castelo bem firme. 
Enquanto as vai batendo, vá adicionando o açúcar aos poucos.
Coloque num tabuleiro e leve ao forno a 180ºc cerca de 6 minutos.

Retire do forno verta o caramelo por cima ainda bem quente, salpique com a amêndoa laminada torrada e acrescente umas pitadas de flor de sal a gosto.

Bom apetite!!




0

domingo, 3 de fevereiro de 2019

Esta trança é feita amiúde cá em casa!

Todos gostam dela e quem por cá lancha também!

É de tal modo boa que quando fazemos, é sempre a par!!

Dá para acreditar??

A receita que fazemos cá em casa é do livro base da Bimby!
Quem não tiver Bimby pode amassar com a ajuda da máquina de fazer pão, ou com um processador de alimentos.

Que quiser também o poderá fazer com a ajuda do recurso mais antigo "força braçal"!

Recomendo-a vivamente para lanches e ceias ... simples ou acompanhada por doces, nutella, queijo ... o que mais gostarem!





Ingredientes:
250 g leite
100 g margarina
50 g açúcar
1 saqueta fermento seco
2 ovos
700 g farinha
1 c chá flor de sal
1 gema de ovo para pincelar

Preparação na Bimby:
Coloque o leite, a margarina e o açúcar e programe 2min/37º/vel.2
junte o fermento e os ovos e programe 10 segs/vel.6
De seguida adicione  farinha, o sal e programe 3 min/Velocidade espiga.
Deixo a levedar no copo cerca de meia hora.
Retire a masse, divida-a a em duas e depois cada uma, em três.
(se preferirem, façam uma só trança, que ficara maior)
Faça 3 rolos iguais e forme uma trança. Pincele com gema de ovo.
Coloque as tranças num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal.
Leve a forno pré-aquecido a 50ºc até que dobre de volume, em seguida aumente a temperatura para 180ºc, cerca de 25 minutos.

Preparação Tradicional:
Numa taça misture a farinha com o açúcar, a levedura seca e uma pitada de sal. 
Abra uma cavidade ao centro e coloque a margarina, o ovo e o leite morno.
Misture todos os ingredientes mito bem com uma colher de pau até a massa se soltar das paredes da tigela.
Comece agora a amassar com as mãos sovando bem a massa durante cerca de 10 minutos. 
Molde uma bola, polvilhe com farinha e tape com um pano. 
Deixe levedar cerca de 1 hora.
Retire a masse, divida-a a em duas e depois cada uma, em três.
(se preferirem, façam uma só trança, que ficara maior)
Faça 3 rolos iguais e forme uma trança. Pincele com gema de ovo.
Coloque as tranças num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal.
Leve a forno pré-aquecido a 50ºc até que dobre de volume, em seguida aumente a temperatura para 180ºc, cerca de 25 minutos.
0

O meu aniversário já foi há algum tempo, e havia prometido deixar aqui a receita!

Já fiz este bolo, pelo menos, mais 4 vezes, só por este motivo já conseguem imaginar o bom que ele é!

A inspiração para o fazer veio de um blog de que gosto bastante o "Merceditas Bakery" e podem ver o original da receita aqui.

Alguns de vós podem ficar surpreendidos, outros não! 
Mas, quem me conhece já sabe que adoro misturar a courgete com o cacau e neste caso, mais uma vez, a mistura sai vencedora!

Aproveitem e espreitem aqui o Brownie de Courgete e Cacau..... 

Para o bolo usei a forma de bundt "elegant party", a famosa forma do pudim boca-doce (afinal quem não se lembra???)


O que vos parece????? Acreditem ... é D-I-V-I-N-A-L!!!!


Ingredientes:
285 g farinha de trigo com fermento
45 g cacau em pó sem açúcar 
1 pitada de bicarbonato
1 pitada de flor de sal
113 g manteiga sem sal à temperatura ambiente
225 g açúcar moreno
100 g açúcar branco
125 g óleo
2 ovos grandes
120 g nata azeda
2 chávenas de courgete ralada com casca (bem escorrida)
100 g chocolate negro (72% chocolate negro)

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 180ºc.
Colocar o spray desmoldante na forma de bundt e polvilhar com cacau puro.
Numa taça misturar a farinha, o bicarbonato, a flor de sal e o cacau. Reservar.
Entretanto, numa outra taça bata a manteiga com os açúcares até obter uma massa esponjosa. Adicionar o óleo aos poucos, sem deixar de bater, Junte os ovos um a um, batendo muito bem cada um deles.
Juntar, alternadamente, a mistura da farinha, e as natas azedas.
Com uma colher de pau, juntar a courgete ralada.
Por último, juntar o chocolate derretido e mexer muito bem.
Leve ao forno durante 45-60 minutos. Vão verificando a cozedura.
Depois de cozido, retirar e colocar a arrefecer sobre uma rede, cerca de 10 minutos e desenformar.
Sirva simples ou com uma bola de gelado de nata.

Bom apetite!!


0

Scones sabem sempre bem em dias frios! De preferência, com um chá a acompanhar!

Tarde de estudo para a filhota que pedia um lanche aconchegante ... A chegada de um pedaço de abóbora aqui a casa deu para fazer uma sopa, estes scones e ainda guardámos um pouco para mais tarde usar!

Liguem o forno e façam o chá a vosso gosto para acompanhar! A receita, essa vou já deixar!!

Não posso deixar de vos dizer que  receita é uma inspiração da revista Teleculinária.


Sim, é verdade ficam mesmo com esta cor maravilhosa!!!!


E o cheirinho que vinha da cozinha???? ..... Será que conseguem imaginar??!!!


Para a Princesa cá de casa tinha mesmo de servir o chá nesta chávena ....Pois ela é mesmo "... A MELHOR FILHA DO MUNDO" (pelo menos, para mim!!!)



Ingredientes:
300g farinha com fermento
40 g açúcar amarelo
2 c sopa vaqueiro liquida
1 ovo
raspa de 1 lima
1 pitada de canela em pó 
1 pitada de noz moscada moída
2 c sopa sementes de chia
300g abóbora cozida bem escorrida
1 pitada de flor de sal

Preparação:
Numa taça misture os ingredientes pela ordem indicada, um de cada vez, com a ajuda de uma colher de pau.
Deixe a massa repousar, tapada, cerca de meia hora.
Forre um tabuleiro com papel vegetal e com a ajuda de uma bola de gelado forme cerca de 9 scones.
Leve a forno pré-aquecido a 180ºc, cerca de 20 minutos.
Acompanhe com queijo ou com doces o que mais gostar!!
0

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Adoro o blog do Raul Garcia "Contigo en la Playa" e é sempre uma inspiração para mim!

Desta vez resolvi fazer esta receita que há algum tempo tinha debaixo de olho e o resultado foi maravilhoso...

Fiz este prato nos dias em que ainda estavam quentes e em que sabia bem acompanhar com uma salada. Contudo, também se deliciaram com ele nos dias mais frios pois, não deixa de ser um bom prato de comida de conforto.

Experimentem-no e vão sentir a magia da união dos sabores do limão e alho assados ... um sabor  verdadeiramente extraordinário.





Ingredientes:

3 pernas com coxa, de frango desossadas
8 batatas novas cortadas em pedaços grosseiros
2 limões cortados a meio
6 dentes de alho
salsa a gosto
2 c de manteiga clarificada
2 c farinha
400 ml caldo de galinha
1 bom punhado de agrião 
2 c mostarda de Dijon
4 folhas de massa filo
sal e pimenta a gosto

Preparação:

Pré aqueça o forno a 180.ºc.
Num tabuleiro de ir ao forno coloque as pernas de frango desossadas, as batatas, os alhos (sem descascar) e os limões. Regue com um pouco de azeite, tempere com flor de sal e pimenta a gosto leva-se ao forno cerca de 40 minutos ou até que veja que as batatas e o frango estão cozinhados.
Retire do forno e reserve. Deixe arrefecer.

Leve um tacho ao lume com a manteiga e deixe derreter. Adicione a farinha e mexa muito bem. Vá juntando o caldo morno e misture bem até o molho começar a espessar. Retire do lume, adicione a mostarda, mexa bem. Reserve.

Desmanche a carne e misture com a batata, o sumo dos limões assados, a pasta do alho, o agrião e o molho que entretanto preparou. Retifique os temperos.


Cubra o tabuleiro com as folhas de massa filo pinceladas com manteiga derretida.



Leve ao forno por mais 20 minutos ou até que a massa fique dourada.

Sirva de imediato!
0

Procuram uma receita de uma sobremesa requintada mas fácil de fazer, e com uma ótima apresentação, aqui está ela!

Nos ingredientes tem o requeijão que eu tanto gosto. 
Este era alentejano, veio diretamente de Évora, trazido por um amigo que sempre que lá vai em trabalho me traz um belo exemplar de kg !

Obrigada João, nunca, mas nunca é demais ... agradecer! Muito obrigada!


E está prometido que na próxima vez farei os canellones recheados com o dito e espinafres, como tenho aqui nesta receita!


A inspiração veio do site da Vaqueiro ... já há um tempo que a queria experimentar ... e a hora chegou! Bendita a hora! Hora de GULA é o que é!!




Ingredientes:
  • 250 g de requeijão
  • 120 g de açúcar 
  • 1 limão
  • 2 ovos 
  • 8 folhas de massa brick 
  • Vaqueiro Líquida 
  • 300 g de frutos vermelhos 
  • 1 pau de canela
  • 1 cálice de vinho do Porto 
  • açúcar em pó qb
  • canela qb
Preparação:
Pré-aqueça o forno a 180.° c. 
Bata o requeijão com metade do açúcar e raspa da casca do limão até obter um creme liso. 
Adicione as gemas e continue a bater. 
Bata as claras em castelo e envolva-as suavemente no preparado anterior. 
Pincele as folhas de massa brick com vaqueiro líquida e sobreponha-as 2 a 2. Pincele igualmente 4 formas individuais com cerca de 15 cm de diâmetro e forre com os círculos de massa. 
Distribua o creme de requeijão pelas formas e leve ao forno durante cerca de 30 a 40 minutos, ou até estarem douradas. 



Enquanto estão no forno prepare a calda de frutos vermelhos. 
Ponha a gelatinade molho em água fria. 
Leve os frutos vermelhos ao lume com o restante açúcar, o pau de canela e uma casca de limão. 
Deixe ferver sobre lume brando durante 15 minutos. 
Adicione o vinho do Porto e ferva mais 5 minutos. Retire do lume e deixe arrefecer. 
Depois de frias polvilhe as tartes de requeijão com açúcar em pó e canela.
Sirva com a calda de frutos vermelhos.
0



Uma entrada para o jantar de fim de ano mas que podem servir aí em casa em qualquer altura ou quando quiserem surpreender os vossos convivas!!

A receita foi adaptada a partir do original do Jamie Oliver e o resultado ficou mais do que aprovado ... Sucesso garantido!!

Substitui a salsa por tomilho pois cogumelos e tomilho são sem dúvida os melhores amigo ... e adicionei um pouco do, tão português, licor de Favaios.

Espero que gostem e aproveitem a ideia que poderá servir também para um  jantar de "finger-food" .... 

Para os mais impacientes ou sem tempo para preparar a massa, comprem-na já feita pois existem caixinhas com os vou-au-vent já preparados e só têm que os rechear!






Ingredientes:

350 g massa folhada
farinha para polvilhar qb
1 ovo
250 g variedade de cogumelos a gosto
2 dentes de alho 
1 malagueta (para quem gosta de picante)
tomilho fresco a gosto
1 jorro de favais
azeite qb
sumo de lima
2 c sopa de creme fraiche

Preparação: 


Pré-aqueça o forno a 190.º c
Estenda a massa sobre uma superfície polvilhada, até que tenha uma espessura de cerca de 5mm e corte a massa em 12 pedaços redondos.
Coloque os círculos de massa num tabuleiro forrado com papel vegetal e pique a massa (várias vezes) com a ajuda de um garfo).
Bata o ovo e pincele a massa.
Coloque a massa no topo do forno e deixe cozer durante cerca de 12 minutos, até que fiquem dourados e altos.

Entretanto, prepare o recheio.


Coloque um pouco de azeite numa frigideira e aromatize com o alho picado e um pouco de malagueta. Adicione os cogumelos picados e deixe que larguem a água e fique dourados. Com a ajuda de um pouco de vinho licoroso de Favaios, deixe que se descole os restos que se vão acumulando na frigideira.
Tempere com sal, pimenta e tomilho a gosto.
Adicione o creme fraiche e o sumo da lima e envolva tudo muito bem

Vamos então à preparação dos voul-au-vent.

Corte os cilindros no topo, com a ajuda de uma faca, abrindo uma cova no meio de cada um dos vou-au-vent e recheie cada um deles.
Decore com um pouco de tomilho fresco e sirva!!

0

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Há muito tempo que não aparece por aqui uma receita!

O tempo escasseia, as solicitações são muitas e tenho a certeza que aqueles que vão perder um pouco de tempo a ler esta receita sentem o mesmo que eu!!

"Queimadinha da pipoca" a melhor expressão para definir o cansaço que sinto!!

Uma correria todos os dias, de um lado para o outro!

Não deixei de cozinhar porque é no espaço da cozinha entre os tachos que descontraio e onde me sinto bem, simplesmente o tempo para vir escrever um pouco !!

A pedido de uma amiga muito querida que conheci por questões laborais, e que tem uma sobrinha vegetariana aqui deixo hoje a receita do empadão de soja  delicioso, aromatizado com oregão seco e mistura de especiarias da ilha da Madeira! 

Beijinho à Ana (do meu trabalho) por me perguntar quando colocava a receita apetitosa e me fazer vir aqui colocá-la depois de um dia muito cansativo.

Obrigada a todas as "Anas" que por aí estão à espera desta e de outras receitas e que vão insistindo comigo para as divulgar!



Ingredientes:

(para o recheio)
250 g granulado fino de soja 
umas rodelas de chouriço vegetal
2 talos de aipo limpo
1 talo de alho francês (parte branca)
1 cebola
2 dentes de alho
1 cebola grande 
4/5 tomates maduros picados (usei de lata e um pouco de sumo)
1 cálice pequeno de vinho branco
1 pitada de especiaria da Madeira ou em alternativa, pimentão doce
orégãos secos qb
pinhões qb (facultativo)
sal marinho a gosto
moinho de 5 pimentas a gosto
azeite qb

(para o puré)
500 g de batata para cozer
500 g batata doce laranja
azeite qb
creme de soja para culinária (gosto do da ALPRO)
1 c sopa sumo tomate (usei o da lata)
sal, pimenta e noz moscada moída, a gosto
1 ovo batido

Preparação:

  • Demolhe a soja em água fria até que dobre o volume. Reserve.
  • Pique a cebola, o alho francês e o alho e refogue-os no azeite, deixando que a cebola fique translúcida. 
  • Junte o tomate e refogue um pouco mais. 
  • Refresque com um pouco de vinho branco e adicione a soja escorrida e mexa. Tempere com sal, pimenta, os orégãos e o pimentão doce. 
  • Deixe cozinhar durante dez minutos, em lume brando. 
  • Entretanto, descasque e corte as batatas em pedaços pequenos e uniformes. Coza-os em água temperada com sal. 
  • Retire as batatas do lume, escorra a água e reduza-os a puré. Misture-lhe o creme de soja para culinária, o azeite e tempere com sal, pimenta e noz-moscada. 
  • Ligue o forno a 180º C. 
  • Num recipiente, que vá ao forno, coloque uma camada de puré. Por cima, disponha a soja e termine com outra camada de puré. 
  • Pincele com o ovo batido  e leve a meio do forno, por alguns minutos, até gratinar.
  • Polvilhe com uns pinhões assados na frigideira e com mais um pouco de orgãos.
Bom apetite!


3

sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Adoro codornizes!


Fáceis de preparar, há quem não goste de as fazer por darem trabalho a comer.

Eu, gosto mesmo de as comer com as mãos e, a maneira como estas são feitas, até a um lanche calham bem.


A codorniz é um dos alimentos de origem animal que fornece grandes quantidades de ferro, proteínas e vitaminas, elementos base de uma boa dieta.

Como é habitual nas aves, a sua carne tem poucas calorias e é pobre em colesterol, e para os amantes da boa mesa tem outra qualidade: é de fácil digestão.

Vamos lá então ver a receita ....


Ingredientes:

(para a marinada)
6 codornizes cortadas a meio 
1 copo grande vinho branco
Sal marinho qb
pimenta a gosto
6 dentes de alho em lascas
sumo de 1 limão
pimentão doce em pó qb

(para o molho)
Azeite
sumo de limão
tomilho-limão fresco qb
1 polegar de gengibre ralado



Preparação:


De véspera tempere as codornizes com os ingredientes da marinada e reserve no frigorífico.

Grelhe as codornizes (se tiver possibilidade de o fazer na brasa, ótimo! Caso contrário use o grelhador de forno ou um de fogão).

Enquanto as codornizes grelham prepare o molho.

Não consigo indicar quantidades pois vou misturando os ingredientes e provando para ver se está do meu agrado.

Normalmente a proporção do azeite para o vinagre é de dois para 1.

Bom apetite!


0

A carbonara é um molho clássico feito com natas, bacon e parmesão e é uma absoluta delicia!



E ... se a quisermos transformar em algo mais saudável introduzindo uns legumes??




O meu pai tinha algumas courgetes na horta! Para as aproveitar resolvi fazer esta carbonar - receita do Jamie Oliver - com algumas alterações.




Da horta também veio o tomilho-limão fresco para aromatizar este prato .... e que delicia!




Podem fazer a carbonara com esparguete, linguini .... o que tiverem em casa, mas em Itália a carbonara é servida com penne.

Eu fiz com esparguete pois era o que havia em casa!

E este foi, literalmente, um jantar de desenrascanço!!!






Ingredientes:

3 courgetes médias cortadas em pedaços médios (se arranjarem variedades amarela e verde melhor!! Ficará um prato mais colorido)
350 g penne
3 gemas de ovos
100 ml de creme culinário de soja (Uso ALPRO)
2 bons punhados de queijo parmesão ralado no momento
azeite
4 fatias grossas de bacon de perú, cortadas em quadrados (Uso Primor)
1 punhado de tomilho-limão fresco
flor de sal qb
pimenta de moinho a gosto


Preparação

(para o molho)
Coloque as gemas de ovo numa taça, adicione o creme e metade do parmesão e misture tudo com um garfo. Tempere levemente e reserve.

Aqueça uma frigideira larga, adicione um pedaço de azeite e o bacon até que fique crocante. 

Acrescente a courgete e um pouco de pimenta. 
(Se necessário coloque um pouco mais de azeite).
Adicione as folhas de tomilho, misture tudo, de modo que as courgetes  fritem até que ficarem ligeiramente douradas e tenham amolecido um pouco.

Quando a massa estiver cozida, escorra, reservando um pouco da água da cozedura. 
Imediatamente, misture a massa na panela com a courgete, o bacon e os temperos.

Retire do lume e acrescente um pouco de água da cozedura reservada e o molho cremoso. 

Misture rapidamente - Não cozinhe mais, caso contrário ficará com ovos mexidos.

Enquanto mistura a massa e o molho, polvilhe o restante do parmesão e um pouco mais da água do cozimento, se necessário, a fim de obter um molho sedoso e brilhante.

Retifique os temperos, e coloque mais um pouco d etomilho-limão por cima. 

Sirva e coma de imediato, uma vez que o molho fica grosso e pesado se aguardar muito tempo.
0

Author

PageRank